www.astro-vidente.com
Leão
  

22/7 A 22/8^
ORIXÁ REGENTE: XANGÔ
 
Você é uma pessoa bastante generosa, que luta pela verdade e pela justiça, custe o que custar. O problema é que nem sempre as pessoas enxergam esse seu lado, já que o autoritarismo também faz parte da sua personalidade forte. Apesar disso, vive em busca de um equilibro para a sua vida.Costuma ser bastante sociável com todos ao seu redor, brilha por sua grande simpatia e carisma e, apesar de querer estar constantemente em evidência, consegue atrair todas as atenções pela boa conversa e pelo seu jeito descontraído e bem-humorado de ser. Guarda dentro de si um certo nervosismo, uma maneira um tanto tensa de encarar a vida Isso acaba tornando-a, muitas vezes, severa demais consigo mesma e com os outros. Quando está amando, vive esse sentimento com toda a intensidade do mundo, e sempre está á procura De alguém que a complete e torne o seu coração ainda mais valente, bravo e corajoso.

                                                                                            A sua maneira de Ser.

Xangô é o orixá da justiça, do fogo e dos trovões, e é também o regente de leão. É por isso que os leoninos são geniais, têm uma personalidade marcante e agem de maneira implacável quando acham que estão certos em seus prepositos.Quem é leão sabe como conviver com as pessoas e, apesar do jeito difícil, tem um coração grande e generoso, cheio de amor para dar. Gosta de brilhar em todos os ambientes e deve procurar fazer isso com justiça e lealdade. Admira e preza muito a liberdade.

Dica: deve evitar a mania de fazer drama no dia-a-dia, além de tomar cuidado para não magoar as pessoas próximas com a sua arrogância.

Veja trabalhos próprios para esta entidade: XANGÔ
Banhos de proteção
Influencia do Sol-auspicio de Oxalá-Ogum-Iemanjá-Oiá
Girassol (petalas frescas)-gervão-guaco-arruda macho e femea-rosas amarelas-cravos vermelhos e brancos-guiné-mangericão
                                                                                     PAI XANGÔ

Xangô, o Deus da Justiça, Senhor das pedreiras, exerce uma influência muito forte em seu filho. Todos os Orixás, evidentemente, são justos, e transmitem este sentimento aos seus filhos. Entretanto, em Xangô, a Justiça deixa de ser uma virtude, para passar uma obsessão, o que faz de seu filho um sofredor, principalmente porque o parâmetro da Justiça é o seu julgamento, e não o da Justiça Divina, quase sempre diferente do nosso, muito terra. Esta análise é muito importante.
O filho de Xangô apresenta um tipo firme, enérgico, seguro e absolutamente austero. Sua fisionomia, mesmo a jovem, apresenta uma velhice precoce, sem lhe tirar, em absoluto, a beleza ou a alegria. Tem comportamento medido. É incapaz de dar um passo maior que a perna e todas as suas atitudes e resoluções baseiam-se na segurança e chão firme que gosta de pisar. É tímido no contato mas assume facilmente o poder do mando. É eterno conselheiro, e não gosta de ser contrariado, podendo facilmente sair da serenidade para a violência, mas tudo medido, calculado e esquematizado. Acalma-se com a mesma facilidade quando sua opinião é aceita. Não guarda rancor. A discrição faz de seus vestuários um modelo tradicional.
Quando o filho de Xangô consegue equilibrar o seu senso de Justiça, transferindo o seu próprio julgamento para
o Julgamento Divino, cuja sentença não nos é permitido conhecer, torna-se uma pessoa admirável. O medo de cometer injustiças muitas vezes retarda suas decisões, o que, ao contrário de lhe prejudicar, só lhe traz benefícios. O grande defeito dele é julgar os outros. Se aprender a dominar esta característica, torna-se um legítimo representante do Homem Velho, Senhor da Justiça, Rei da Pedreira. Por falar em pedreira, adora colecionar pedras.
COR:Marrom e branco
                                                        AMALÁ
7 velas marrons e 7 velas brancas, cerveja preta (mesmo principio já explicado para Ogum e Oxóssi), camarão, quiabo, Acará , fitas marrom escuro e branca
Local de Entrega: Na pedreira ou sobre uma pedra grande e bonita
                                                          ERVAS
Folhas de Limoeiro, Erva Moura, Erva Lírio, Folhas de Café, Folhas de Mangueira, Erva de Xangô, Folha Goiaba Vermelha, Manjericão Roxo, Loro, Hortelã , Cravos Vermelhos.

Para tudo tem dias e horas marcados,não despensa a consulta de um bom babalorixá(buzios)para determinar o orixá de cabeça.